O que diria Shakespeare?

Precisamos falar sobre ciúmes
25 de fevereiro de 2016
O temido D
1 de junho de 2016
Show all

O que diria Shakespeare?

Gosto do silêncio. Aliás, gosto dos barulhos que escuto naquele silêncio que nunca é total. Gosto do som do ventilador e do barulho que meus dedos fazem enquanto digito coisas que estão tão dentro de mim, que é quase uma necessidade colocá-las em palavras para que elas possam sair. Gosto da sensação de paz após uma crise de choro. Aquela paz que você sente depois de ter a certeza que colocou para fora tudo o que lhe afligia.

O que não gosto é de sentir que cada vez mais eu e mais tantas pessoas se fecham para as emoções que antes eram tão admiradas. O que diria Shakespeare se nos visse hoje? O que diria então, os escritores que antes morriam por amor, se soubessem que hoje ele deu lugar a uma coleção de matchs no Tinder, ao beijo no fim de balada e ao “até logo”, tão comum depois de encontros casuais?

glasses-919071_1280Eu realmente não sei o que a sociedade espera do futuro, se no presente o que nos sobrou foram copos cheios e corações vazios. Lotados de remédios e escutando músicas tão altas que já não conseguimos nem ouvir o que o próprio coração nos fala.

girl-517555_1280Eu sei que lutei muito para manter a esperança de encontrar pessoas corajosas a ponto de viver um amor e, após ter me magoado tanto pelo caminho, hoje olho meu reflexo e já não sei se acredito mais que isso seja possível. Agora aqui, escutando o som do ventilador, não sinto nada além de um vazio que tantos insistem em me dizer que é melhor que o amor. E quer saber? Estou começando a acreditar que eles têm razão. O que diria Shakespeare agora?

Karina Oliveira
Karina Oliveira
Formada em Letras, apaixonada por marketing digital, café, gatos e pelo meu filho lindo. Gosto de compartilhar conhecimentos e dividir experiências.

2 Comments

  1. Esse primeiro paragrafo!! <3 e este texto inteiro <3 muito bom, mas nem todos dizem que este vazio no peito é bom. Eu acredito e evangelizo a crença no amor. (;

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

%d blogueiros gostam disto: